(21) 3026-6335/2148-2666

Suplementação para melhorar o cansaço

Suplementação para melhorar o cansaço

A perda da função da mitocôndria, organela chave responsável pela produção de energia celular, pode resultar em excesso de fadiga e outros sintomas que são queixas comuns em quase todas as doenças crônicas. A síndrome da fadiga crônica (SFC) é uma doença crônica grave, complexa e extremamente debilitante com causa ainda desconhecida. É caracterizada por prolongada, debilitante, e recidivante fadiga, muitas vezes acompanhada por vários sintomas, resultando em deficiência significativa durante pelo menos 6 meses e frequentemente durante anos . Não há atualmente nenhum teste laboratorial de diagnóstico específico para a condição e sua  etiologia permanece incerta. No entanto, estudos recentes têm mostrado que o estresse oxidativo e os distúrbios mitocondriais para as necessidades de energia podem estar associados em  sua patogênese. Ainda há duvidas se o estresse oxidativo e anormalidade mitocondrial possam ser o ponto final para todas as disfunções presentes na doença. Os tratamentos atuais são em grande parte destinadas a gestão de sintomas. A melhor evidência para o tratamento é a terapia cognitivo-comportamental e terapia de exercícios classificados. No entanto, estes são apenas moderadamente eficazes, com uma taxa de recuperação baixa, de apenas 22% para aqueles que têm o tratamento intensivo. Esta Síndrome também está associada a várias anormalidades  bioquímicas e imunológicas relacionadas em múltiplas vias, inflamatória,  de estresse oxidativo e nitrosativa.  Estes percursos abrangem: a ativação imune;  a inflamação intracelular; disfunção mitocondrial;  baixo estado antioxidante; aumento do stress oxidativo e nitrosativo , e aumento na translocação de bactérias gram-negativas (intestino permeável). Dados recentes sugerem que as deficiências de CoQ10 e NADH tem sido descrita em pacientes com SFC e fibromialgia.  CoQ10 é um composto essencial encontrado naturalmente em praticamente todas as células no corpo humano. Substância solúvel em gorduras, sua função principal é como um intermediário essencial do sistema de transporte de eletrons nas mitocôndrias. Quantidades adequadas de CoQ10 são necessárias para a respiração celular e a produção de ATP.  Muitos processos de doenças associadas com a deficiência de CoQ10 pode se beneficiar com sua suplementação, incluindo deficiências doenças mitocondriais, fibromialgia, doenças cardiovasculares, doenças neurodegenerativas, cancer, diabetes mellitus, infertilidade masculina e doença periodontal.

NADH  é uma coenzima que pode estimular a produção de energia, repondo estoques celulares esgotados de ATP.

Ensaios clínicos têm demonstrado que a utilização de suplementos  orais, tais como L-carnitina, o ácido alfa-lipóico (ácido α-lipóico [ácido 1,2-ditiolano-3-pentanóico]), a coenzima Q10 (CoQ10 [ubiquinona]),  nicotinamida adenina dinucleótido reduzida (NADH), fosfolipídios da membrana, quando combinados, pode reduzir significativamente a fadiga e outros sintomas associados com a doença crônica, restaurando a função mitocondrial, mesmo em pacientes com fadiga intratável de longo prazo.

Consulte um nutricionista para adequar sua alimentação e suplementação.

Depoimentos